7 FORMAS DE AMAR E SER AMADO

Amar é verbo e possui muitas conjugações. Pode ser conjugado em primeira pessoa e, portanto, tornar-se amor próprio. Ou em segunda ou terceira, então ser dirigido para o exterior e para outras pessoas ou coisas. Amar, ainda, pode estar no singular ou também no plural.

O amor, possivelmente, é a forma mais multíplice de manifestação da existência humana. Nós não existimos e não podemos sobreviver sem ele – a ciência comprova isso. Mas o que é amor? Acompanhe aqui sete formas de amar e ser amado.

AMOR PAIXÃO

Esta forma de amar é, sem dúvida, intensa. O amor paixão é associado ao desejo, ao romance e ao prazer. Uma metáfora comum para ele é o fogo e, assim como o mesmo, ele nos consome – principalmente a nossa razão.

A nossa cultura atual superestima esta forma de amor. Para algumas pessoas, sequer é amor se não vier nessa forma. O amor paixão, entretanto, tem prazo de duração. Ele não costuma se manter intenso por muito tempo e, quando se mantém, pode adquirir uma forma patológica – não é à toa que culturas antigas consideravam essa forma de amor uma maldição dos deuses.

AMOR FRATERNAL

Essa é uma das formas mais poderosas do verbo amar. O amor fraternal é aquele que se desenvolve entre irmãos ou amigos. Se estabelece sobre laços fortes e conexões intensas, calcando-se na intimidade, na autenticidade e na segurança. O amor fraternal é o amor da confiança e, muitas vezes, o amor paixão evolui para esta forma de amar.

AMOR FAMILIAR

Essa forma de amar é especial, pois não pressupõe retorno. É o amor do cuidado, em especial dos pais para com os filhos. Tente a ser incondicional e se bastar pelo simples fato de amar e de ver o outro prosperar.

AMOR COMPAIXÃO

Pode ser considerado a forma mais pura e desprendida do verbo amar. O amor compaixão é o amor da empatia. É aquele que sentimos pelo outro, seja ele conhecido ou estranho, e está ligado à capacidade de poder se colocar em seu lugar. É fundamental para o processo civilizatório e para nosso desenvolvimento enquanto humanidade.

AMOR COMPROMISSO

Também conhecido como o amor dever e da dedicação. Esta forma de amor é a do patriota para com seu lar, mas também é presente nos relacionamentos. Leva em consideração o passado e pode ser também descrito como amor gratidão. Nesta forma de amor, muitas vezes a atração pode ficar em separado.

AMOR DIVERSÃO

A mais descontraída das formas de amor, está presente também em outros verbos, como brincar ou dançar. O amor diversão é aquele que brota da conexão de dar boas risadas juntos ou simplesmente descontrair. É ligado mais ao momento e não pode existir por muito tempo por si só, mas pode alimentar e fortalecer outras formas de amar.

AMOR PRÓPRIO

Quando o verbo amar é conjugado em relação ao Eu. Esta forma de amor é essencial e dificilmente outras formas de amar existirão de modo saudável se esta estiver comprometida. Assim como outras formas de amar, este amor também pode ser desenvolvido e fortalecido, principalmente pelo autoconhecimento.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s