5 DICAS PARA RECOMEÇAR

A vida nos reserva muitas surpresas. Por vezes, nos obriga a tomar rumos que não havíamos previsto ou então puxa o nosso tapete de uma hora para a outra, sem avisar. Seja com o fim de um relacionamento, uma mudança de emprego ou qualquer outra reviravolta, é muito difícil recomeçar.

Veja aqui algumas dicas que podem te ajudar nessa jornada!

1.TIRE UM TEMPO PARA CHORAR O PASSADO

Eu sei, parece contraditório, mas tirar um tempo para isso é muito importante. O passado, seja ele qual for, teve muitas coisas importantes, coisas boas e coisas ruins que ajudaram a construir a pessoa que você é agora. Não tem problema com isso. Se você sentir falta daquele amor abusivo ou do emprego que já reclamava faz tempo, não tem problema. Afinal, ele teve coisas boas e são delas que você tem saudade. Ignorar que elas existiram não vai te ajudar, vai apenas criar uma desconexão com seu próprio Eu e afastamento. Isso não significa querer voltar, é claro. Se precisar ficar triste, fique. Esteja em contato consigo mesmo(a) e aceite seus sentimentos. Esse é o primeiro grande passo para mudar.

Seja um relacionamento, uma mudança ou um emprego, também teve coisas ruins. Tenha raiva, mas perdoe. Perdoe a si mesmo(a). Você fez o que foi possível na época, contando com o que sabia e simplesmente isso. Se fosse diferente, teria feito diferente, mas não foi!

Então tire um tempo para deixar que as penas velhas caiam e nasçam novas e mais bonitas no lugar. Voos mais altos e mais emocionantes aguardam você logo a frente, basta apenas confiar!


2.FAÇA NOVOS PLANOS

Recomeçar não é fácil. Às vezes o mais difícil é assumir a coragem para deixar o passado para trás. Então é preciso certa bravura. É preciso assumir os riscos e apostar num futuro incerto e tão diferente da constância e segurança de continuar remoendo o passado. É preciso reaprender a viver.

Para isso, pode ser muito útil traçar novos objetivos: estabelecê-los como guias para nortear a sua caminhada. Aquela formação ou uma viagem, quem sabe uma mudança no visual. Mas não exagere! Objetivos muito amplos podem ser difíceis de alcançar e isso pode colocar você em constante frustração.

Não se preocupe tanto com os resultados, viva o agora. Crie para você pequenos objetivos que o motive a pequenas coisas, como ir a um restaurante que gosta ou praticar algum exercício. Comemore suas pequenas vitórias. Saboreie e não deixe que seu gosto vá rapidamente embora, despercebido.

Nem sempre é fácil voltar a investir em coisas grandes depois de uma importante mudança na vida, então começar devagar é uma excelente alternativa.


3.RETOME PLANOS ANTIGOS

Se criar novos planos parece difícil, que tal retomar alguns antigos? Antes do que aconteceu com você, seja a perda de uma pessoa próxima, um rompimento amoroso ou uma reviravolta profissional, provavelmente você tinha planos que deixou de lado. Talvez seja a hora de assumi-los de volta. A vida, às vezes, toma rumos que nos impedem de fazer certas coisas. Recomeçar pode ser uma oportunidade de tentar de novo. Já pensou nisso?

Aqui também vale não se preocupar tanto com os resultados. Os planos são muito mais nossos guias do que mandamentos fechados que o impeçam de fazer qualquer outra coisa – se forem assim, mais atrapalham do que qualquer outra coisa.

Lembre que a vida é uma jornada, não um destino.


4.TENHA PACIÊNCIA

Recomeçar uma vida em harmonia leva tempo. Então não tem problema se você tiver uma recaída, se precisar de um, dois ou três meses e também não tem problema se forem anos. Cada um de nós é um ser único e tem um tempo diferente. Respeite a você mesmo e não se culpe por isso. Nenhum de nós escolhe deliberadamente sofrer.

Além disso, cabe a pergunta: quanto tempo você levou para chegar onde e da maneira como está? Portanto, é ingênuo pensar que se pode mudar em um ou dois dias. Mudar leva tempo. É claro que não precisa ser tanto quanto o processo inicial e para isso é importante o esforço e o desejo de mudar.

Dê tempo ao tempo: toda ferida dói para se regenerar. Estar triste não é problema, mas necessário. Os estados de humor, assim como as sensações, existem para nos alertar do que está acontecendo. Então tenha paciência consigo mesmo. Viva cada etapa de uma vez.


5.ACEITE QUEM VOCÊ É

Estar em contato consigo mesmo é um bem precioso e necessário antes de qualquer transformação. A desconexão com o Eu só pode levar a caminhos turvos e complicados, é preciso aceitar quem se é para poder, então, abraçar a transformação e, quem sabe, descobrir novas formas de amor próprio.

Todos nós temos aspectos que desejamos e outros que não gostamos. É importante que se saiba que estes são apenas aspectos; eles não constituem a totalidade do Eu.

Entender os motivos que levaram ao que passou e também ter a possibilidade de visualizar aspectos despercebidos daquela relação (seja ela amorosa, familiar, profissional ou o que for) permitem seguir em frente mais facilmente, livre das amarras invisíveis da culpa ou do ressentimento. Para isso, uma terapia pessoal é um instrumento precioso.

Invista em você!


BÔNUS:

Lembre-se de se sentir bem! Tudo aquilo que fizer você se sentir bem vai colaborar com seu crescimento pessoal. Sentir bem é mais do que o prazer momentâneo, é uma sensação que continua e que nos fortalece, alimentando a nossa alma!

Ame-se!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s